PARA QUEM AMA GATOS

PARA QUEM AMA GATOS
(Clique na imagem)

Quais assuntos mais te interessam no blog Fatos de Fato?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

sexta-feira, 30 de novembro de 2012

Dois pensamentos sobre inimigos


Inimigos ou amigos falsos são aquelas criaturas que, de uma maneira ou de outra, esbarramos em nossa caminhada. Alguns são tão mesquinhos, que o "esbarrão" deles não se limita a uns ferimentos curáveis com medicamentos. Ferem a alma e causam lacunas de sentimentos irremediáveis por toda uma existência.
Adoro refletir e isso me causa certos transtornos - confesso - porque fico imaginando por que pessoas têm que ser tão pequenas, tão levadas a banalidades que em nada lhes acrescentarão!...
Quando se ofende, despreza, magoa, trai, etc. um amigo, não há só o ato desprezível daquele não-amigo. Há também a depressiva constatação da perda de tempo por ter se dedicado a quem não merecia.
Mas, por fim, depois das dores ocasionadas por aqueles seres, descobre-se,  com um certo sorriso de vitória que "tolo (a) foi ele(a),  que perdeu a minha confiança, o meu carinho, a minha AMIZADE!".
Quem se dedica a um amigo e não recebeu a devida gratidão ou retorno do respeito transmitido, deve ter em mente que não houve perda de tempo algum. Há sempre um sabor de superação e aprendizado em todo obstáculo que surge. 
Inimigos ou amigos falsos, não importa o nome, são aquelas criaturas que só serviram para nos fazer crescer, afinal de contas. Ficamos mais atentos aos próximos que surgirem e daremos mais valor ainda aos poucos mas verdadeiros amigos. Sim, verdadeiros amigos existem, mesmo que nossas experiências insistam em dizer não... Mantenhamos a esperança no próximo!...


Dois pensamentos sobre inimigos

"Aquele que luta contra nós fortalece nossos nervos e aprimora nossas qualidades. Nosso antagonista trabalha por nós."

Edmund Burke




(Imagens:

sexta-feira, 23 de novembro de 2012

Scorpions no Rock In Rio 2013




 

Escrevi há bem pouco tempo, uma petição pública onde, resumindo a história peço, em nome dos muitos fãs de Scorpions, a vinda da banda ao evento Rock In Rio 2013.
Quem for , quem não for fã mas achar que a banda merece vir ou que é fã mas não poderá estar no evento, sinta-se à vontade para assinar o abaixo-assinado.
É muito simples: basta escrever seu nome, e-mail, cidade onde mora e confirmar.  Pronto! Já está assinado!...
Tanto mais pessoas assinarem, melhor, pois a chance de chamar a atenção dos organizadores, será maior.
Convide seus parentes, amigos, conhecidos, quem queira ajudar!
Scorpions vir é importante para os fãs mas, antes disso, é MUITO importante para a certeza de um espetáculo de verdadeiro rock and roll!...

Scorpions no Rock In Rio 2013 
Link para a petição pública:



E quem quiser levar as imagens colocando o link da petição para seu site, blog, comunidade, Facebook, Twitter, Orkut, etc., ajudará bastante na divulgação!


 Desde já, agradeço a todos que estão participando dessa campanha!!!! 


(Imagem:
http://www.facebook.com/MARYMIRANDABLOG)

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Três piadas reais


Incrível que para darmos algumas risadas, apelemos para os humorísticos "inventados", os de TV, rádio, jornal, teatro, internet, etc. Não por acaso que  a stand up comedy tenha encontrado lugar cativo na agenda de vários povos para a curtição no fim-de-semana...
Se nos detivermos no cotidiano, porém, encontraremos elementos simplórios, conquanto naturais,  que poderão nos satisfazer mais que as risadas "forçadas"!
Neste momento me atingem a mente, apenas três acontecidas na vida real e,  nos fizeram rir tanto, que fico imaginando se outras pessoas poderiam ter seu momento "riso solto" também...
Aí estão elas, as piadas que aconteceram in natura. Peço que riam bastante... Se puderem!...



TRÊS PIADAS REAIS

1- O funcionário avoado

Meu irmão Henrique tem paixão por gadgets. Acho que ele conhece todas as lojas de eletro/eletrônicos de Campo Grande, Rio de Janeiro, onde trabalha.
Dia desses, como de costume, se direcionou para um desses estabelecimentos onde, de imediato, foi atraído para um gadget desses ultramodernos, que tocava umas trilhões de músicas e seria muito bom para ouvir no trabalho ou em casa.
Pegou-o, olhou, olhou, e percebeu que havia algo " a mais", que o intrigou. Era uma parte que estava para fora, no que pareceu-lhe desnecessário tal "aba" no pequeno aparelho.
Educadamente, se direcionou ao balconista e perguntou, naturalmente:
- Por favor, essa parte aqui, que está para fora,  dá pra tirar, sai com facilidade?
O funcionário o observou como se a pergunta fosse tola e respondeu:
- Dá pra tirar, claro, com a maior facilidade! Só que se tirar, vai quebrar...


2- É proibido dormir!

Meu irmão Washington estava no quintal conversando com o nosso pai quando, não sei por que motivo, resolveu me chamar, batendo na janela do meu quarto:
- Mary, Mary, Mary, Mary, Mary... (repetidas vezes que perdi a conta).
Eu estava no meu décimo sono, ou seja, dormia feito um urso hibernante, num ronco gostoso daqueles da tarde, quando conseguimos chegar mais cedo do trabalho.
De mau-humor, gritei, após estar totalmente acordada (depois que acordo, demoro a voltar a dormir umas boas horas...):
- O que que é, Washington? O que aconteceu, pô?
Nem sei se percebeu meu mau-humor, só sei que deu a explicação que eu menos queria ouvir:
- Nada, não! Só queria saber se você estava dormindo!...


3- O sexo do bebê

Essa já vai longe, dos tempos do anteriormente mencionado Washington, meu irmão mais velho, quando nossa mãe estava grávida dele.
Todos nós sabemos que uma mulher grávida de muitos meses, sempre chama a atenção de familiares e amigos, sobre qual será o sexo do bebê que espera, por motivos diversos: alguns para poderem dar o presente na cor adequada ao gênero, outros por preferirem mais meninos que meninas e vice-versa, alguns outros para ter o gosto de acertar o sexo e outros, apenas por curiosidade mesmo...
No bairro onde nossos pais moravam, havia um rapaz que era bem ingênuo, daquele tipo de pessoa que fala tudo o que pensa, sem parar para refletir no que falam.
Quando ele se aproximou da nossa mãe, após cada um dar suas opiniões, meu pai correu pra perguntar:
- Berreco (seu nome verdadeiro era Roberto), o que você acha que vai nascer daí? ( apontando risonho para a barriga da esposa).
Ele olhou com minúcia, com aquela  atenção. E com ar de filósofo, de quem vai dar uma resposta bombástica, que mudará toda a História, disse:
- Bem, na minha opinião daí com certeza vai nascer um menino ou uma menina!...


Essas foram algumas piadas da vida real. Como se vê, a nossa vida, muitas vezes, é mais emocionante e/ou engraçada, que algumas das muitas criações feitas para entreter...


(Imagem:

sábado, 17 de novembro de 2012

6 dicas para driblar a falta de assunto num blog

Isso é fato mais do que recorrente a TODOS os blogueiros que se tem notícia: o "branco", algumas vezes, na hora de escrever uma nova postagem.
Parece um absurdo não vir assunto algum, quando tantas situações acontecem pelo mundo afora que merecem nossa atenção!...
O problema que, assunto não significa vontade de falar sobre.
Para se desenvolver um artigo num blog  é necessário, primeiramente, que este seja apaixonante, uma sensação de " Se eu não escrever sobre esse tema, fico doente!" no blogueiro no que, se for assunto apenas geral e não "tocá-lo", ficará engavetado  no cérebro num compartimento chamado memória.
Imagine o sofrimento de cronistas de jornais, aqueles cuja tradição exige o desbravamento diário? Raquel de Queirós, Carlos Drummond de Andrade, Rubem Braga e Millôr Fernandes (só para enumerar alguns) deviam - e devem- cortar um dobrado para tirar inteligência e criatividade no ofício de falar sobre o "comum a todos"...
Se houver algum blogueiro que pense que o ato de escrever num espaço virtual é muito diferente de um cronista de jornal,  cairá ele numa tristeza sem fim ao descobrir essa verdade: NÃO É NADA DIFERENTE! Blogueiros têm o MESMO compromisso com o que escreve, ainda que esse tal compromisso seja, de antemão, consigo próprio... (Quem vai querer dar a cara à tapa escrevendo sandices sem fundamento algum? Igualmente funciona a lógica de um cronista...)
Bem, sem meneios ou dribles, estou aqui para compartilhar com todos, alguns dos truques que adquiri pela prática de escapar dos "brancos" que invadem em via de regra!... Comigo funcionam; vamos a eles?


6 dicas para driblar a falta de assunto num blog


1) Procure escrever num momento que não tenha preocupação urgente

Sentar na frente do PC e ficar imaginando que as contas vão vencer tal dia ou que precisa comprar remédio para alguém que esteja doente, não é nada salutar para fluir ideias para um post. Espere estar com os pensamentos mais livres. Textos são como crianças egoístas que exigem a atenção total;

2) Jamais procure desenvolver assunto que não conheça bem

Você é louco(a) pelas pirâmides do Egito mas não tem lá grande conhecimento sobre o assunto e  tem muita preguiça de pesquisar mais a fundo. Nem comece a falar.  Com certeza um desânimo te rondará ao se dar conta que não passa das quatro linhas iniciais e você cairá certamente nas malhas do temido "branco";

3) Use a memória afetiva

Mesmo soando clichê, mas a memória de fatos ocorridos com você mesmo(a) sempre rendem bons textos! É naquela: o tempo não volta mais, no entanto, pode ser relembrado quantas vezes quisermos... Aquela palhaçadinha infantil, um apuro da adolescência, a visita de uma tia que mora longe, uma festa de aniversário marcante, podem ser "massas" que, bem trabalhadas, formam "bolos" textuais saborosos e bem "digeridos" pelos leitores!...;


4) Não se "obrigue" a escrever
 
Uma das "pegadinhas" que o tal  "branco" nos coloca é a "obrigação" de se escrever nesse ou naquele dia. Não sabemos bem por que mas todo blogueiro inventa uma "data" para lançar seus posts. Por isso, quase sempre, esbarra com a sina lamentosa em que se auto obrigou: o assunto fugiu de sua mente! 
Deixe seu cérebro liberto e vá escrevendo o que lhe chamou a atenção até ficar pronto, independentemente de dia, hora, etc. Será mais rentoso o resultado para ambos, leitor/autor;


5) Não escreva em ambientes barulhentos

Por mais que você esteja acostumado(a) com barulhos, um dia sentirá a força daquele som distorcido que ribomba no cérebro! Um barulho muito alto e repetitivo tende, com o tempo, a travar a criatividade. Salvo raríssimas exceções, a mente humana não se adequa com totalidade a sons externos estridentes;


6) Durma bem

 Já foi provado por cientistas que uma noite mal dormida atrapalha o estado cognitivo da mente da maioria dos seres humanos. Alguém que tem como meta escrever um texto no dia seguinte, deve dormir uma noite de sono satisfatória. Muitas vezes  não há a necessidade das oito horas propostas e sacramentadas pelos especialistas, porém, a pessoa deve sentir que seu corpo descansou o suficiente. O ato de escrever e a não satisfação do sono. decididamente, não combinam...


Essas foram algumas das dicas que testei em mim mesma e deram certo! Não esqueça, contudo, que cada um de nós tem reações diversas.


Obs.:  Não escrevi esse post por falta de assunto! Até tinha uns dois em "pauta" para desenvolver. Optei por esse pois, nesse exato instante, o considerei mais apropriado!...

(Imagem:

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Coisas de mulher


"Mulher é bicho esquisito...", como afirmara uma das muitas mulheres que admiro, a inquestionável Rita Lee, na sugestiva canção: "É cor de rosa-choque".
Pode-se falar o que bem entender,  mas só aceito opinião de seres que "todo mês sangra..."
Venham homens, intergalácticos, bacharelados, diplomados ou descolados e nenhum NUNCA sabe definir um ser do sexo feminino! Só mulher entende o que é uma mulher, suas angústias, desconfortos, neuroses, desconfianças... Só um ser que, mesmo sendo altamente independente, com carro na garagem, cargo de chefia em multi inquebrável e ainda espera o ultrapassadíssimo Príncipe Encantado, é que vai entender o significado do "Não" que muitas vezes é "Sim"...
Bem, para contrariar minha tese, apenas um  homem posso afirmar que saca de mulher como ninguém: Chico Buarque! Um cara que escreve algo como: "Chorei, chorei, chorei até sentir dó de mim..."
(Bastidores), TEM QUE  saber o que se passa no invasculhável eu feminino; quase não te perdoo por isso, Sr. Buarque de Hollanda!...
Pensando nessas esquisitices as quais vivencio com a louvação de uma representante feminina das mais orgulhosas, idealizei o Top 15 das Coisas de Mulher que APENAS o chamado "sexo frágil" pode ter acesso. Usei o bom humor para situações que nos aborrecem enormemente!... Tudo a ver com a "normalidade" das circunstâncias que, no entanto, bem que poderiam não ocorrer com tanta frequência... Homens, para bem ou para mal,  vocês  para compreenderem o sentido desse "estatuto", só nascendo de novo!...


Por isso não provoque, é cor de rosa-choque

(Imagens e Edição de Imagens:
http://www.facebook.com/MARYMIRANDABLOG)

sexta-feira, 2 de novembro de 2012

Eu ainda sou daqui!

Pulo pra lá, pulo pra cá, porém, a alma dihittiana continua intacta!
Tenho como comemoração, uma passagem bem digna: há exatos 4 anos me cadastrei num site chamado diHITT!
Um pouco afastada, menos fanática, e ainda assim orgulhosa, por ter sido a ele "apresentada" em um momento de minha estada de blogueira, o diHITT é um espaço importante onde SEMPRE serei grata.
Muito chato que muitas picuinhas imbecis tenham afastado muitos de seus participantes mais ativos, inclusive eu, que anos atrás, era prazerosa a minha permanência por horas naquele ambiente.
Enfim, sem muito esticar, espero permanecer lá por muitos e muitos anos, que o site só cresça porque merece, apesar dos tropeços supracitados.
Tenho muitos amigos que prezo e gosto de saber que as amizades que lá fiz e tenho feito, em sua maioria, ainda posso contactar, de uma maneira ou de outra.
Meus agradecimentos ao site por, além de divulgar com eficácia minhas postagens, ainda permitir essa interação salutar entre os participantes.


DIHITT, VOCÊ AINDA É A MINHA SEGUNDA CASA VIRTUAL!!!! 


 


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...