PARA QUEM AMA GATOS

PARA QUEM AMA GATOS
(Clique na imagem para conhecer)

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Toxoplasmose: a culpa não é do gato!


Quantas vezes for necessário eu vou gritar que A TOXOPLASMOSE NÃO É CULPA DO GATO!
Uns infelizes, manipuladores de notícia, insistem em fomentar o ódio aos felinos através de "informações" imbecis!
Acabei de assistir hoje, dia 30 de setembro, ao Brasil TV (programa que só pega via antena parabólica) da outra vez desinformada e desinformante Rede Globo, que "explicava" que a forma de se contrair toxoplasmose é através dos gatos...
Raio de canal cretino que nunca explica amplamente como se pega a doença!
Sempre paralisa a informação, jogando para o animal a culpa, deixando no ar, boquiabertos telespectadores que, inocentes ou ignorantes no assunto, já ficam imaginando como poderão doar o seu pet, que eles tanto amam, mas é um "malvado" transmissor de doenças...
Não faz muito tempo esse canal - que eu ainda não abandonei porque tenho a peste do vício de ver novelas - veio com essa lambança através da ficção das 21h, Insensato Coração, sobre o qual expus minha irritabilidade.
Uma vez foi no Jornal Nacional, sugerindo a morte da atriz Míriam Pires por criar muitos gatos e ter vindo a falecer por causa da tal doença.
Vamos parar com a desinformação, pelo amor de Deus!
Vamos parar com a imbecilização em massa!
Ultimamente eu não estou para brincadeira, e toda vez que tentam me emburrecer, eu viro bicho, mais feroz que qualquer animal de selva!...

Para acabar de vez com essa pendenga, convido a todos a lerem o excelentíssimo artigo esclarecedor e completo que achei há algum tempo sobre o assunto, formulado pela site oficial da Prefeitura do Rio.
Apesar de tê-lo colocá-lo na íntegra em meu blog, ainda assim linkei para o post original.
Espero que esses senhores midiáticos, que adoram adulterar notícias, também leiam e aprendam alguma coisa na limitada visão de "informação" deles!...


TOXOPLASMOSE
O QUE É A TOXOPLASMOSE?
É a doença causada pelo protozoário Toxoplasma gondii, com alta prevalência no mundo inteiro entre pessoas e animais de sangue quente.
A infecção nos humanos é assintomática em 80 a 90 % dos casos. Esta doença é importante em gestantes e indivíduos imunodeprimidos, pois, nesses pacientes, pode produzir lesões e sintomas graves.
COMO É TRANSMITIDA?
O gato é o hospedeiro definitivo: é ele quem libera o parasito no ambiente. Gatos geralmente apresentam a doença quando filhotes e, nesta fase, podem eliminar os oocistos do protozoário nas fezes. Estima-se que apenas 1% da população felina elimine os cistos do protozoário T. gondii no ambiente.
O homem e outros animais são hospedeiros intermediários: neles, os cistos do protozoário se alojam nos músculos, no sistema nervoso e em vísceras, e não são eliminados pelas fezes.
Há três maneiras de se contrair o protozoário causador da toxoplasmose:
1) A mais comum é a ingestão de carne – bovina, suína ou de aves –, crua ou mal cozida, contendo cistos do protozoário. O consumo de leite cru, não pasteurizado, com presença de taquizoítos (uma outra forma do parasito) também consiste em uma fonte possível de infecção. Queijos preparados com leite não pasteurizado podem transmitir a doença.
2) A forma mais grave de infecção é a transmissão transplacentária (a mãe transmite a doença para seu bebê durante a gravidez). Nesta forma de infecção, podem ocorrer malformações fetais e aborto.
3) Através da ingestão de oocistos esporulados (forma que o protozoário adquire no meio ambiente) presentes nas fezes de um gato infectado. Ou seja: é preciso ingerir acidentalmente fezes contaminadas de gatos. Isto pode ocorrer através do consumo de verduras e legumes mal lavados ou pelo hábito de levar a mão à boca sem antes lavá-la, sobretudo após a prática de jardinagem ou outras formas de manipular terra e areia.
LEMBRE-SE:
  • A infecção (contato com o parasita) não causa, necessariamente, a doença. Para isto, é necessário que o sistema imunológico esteja debilitado, como muitas vezes ocorre com pacientes idosos, portadores de HIV e transplantados.
  • Nem todos os gatos têm toxoplasmose. Na verdade, são poucos os que apresentam a doença.
  • Nem todos os gatos podem transmitir a toxoplasmose através da eliminação de oocistos nas fezes. Quando o fazem, é por um curto período de tempo, e geralmente só nas primeiras semanas de vida.
  • Os oocistos de T. gondii que são eliminados nas fezes não são capazes de causar a doença imediatamente. É preciso que as fezes contaminadas permaneçam no meio ambiente por alguns dias para que os oocistos esporulem. Só então, estes se tornarem infectantes.
PRINCIPAIS SINTOMAS:
No homem:
  • Febre, cansaço, mal estar, dores pelo corpo;
  • Aumento dos linfonodos (íngua);
  • Estes sintomas por vezes se confundem com os de uma forte gripe.
  • Distúrbios da visão, que podem evoluir para a cegueira;
  • Aborto.
Nos animais:
  • Emagrecimento, fraqueza, apatia, febre alta, vômitos e diarréia;
  • Sintomas oculares (secreção, fotofobia, pupila dilatada, entre outros);
  • Distúrbios respiratórios;
  • Convulsões, tremores, fraqueza muscular, paresia, paralisia e outros sintomas neurológicos.
COMO EVITAR A DOENÇA:
Nos humanos:
  • Lave bem as mãos antes de preparar alimentos;
  • Lave bem as verduras, frutas e legumes antes de consumi-las;
  • Não coma carne crua ou mal passada;
  • Não beba leite que não seja pasteurizado;
  • Mantenha bons hábitos de higiene;
  • Não deixe seus filhos brincarem em areais ou pracinhas que não sejam telados, onde há fezes de animais;
  • Lave bem as mãos após limpar a bandeja sanitária de seu gato ou mexer em terra, e procure sempre usar luvas ao praticar jardinagem.
Nos gatos (ações para prevenir a infecção dos gatos e das pessoas):
  • Leve seu gato regularmente ao médico veterinário;
  • Mantenha-o sempre bem alimentado com ração comercial: isto reduz a chance de ele caçar e se infectar com a toxoplasmose;
  • Nunca dê carne crua para seu gato;
  • Leve-o ao veterinário se ele apresentar diarréia;
  • Evite que seu gato faça passeios fora de casa;
  • Mantenha sempre uma bandeja com areia sanitária para seu gato fazer as necessidades e remova os dejetos diariamente, sempre com o auxílio de luvas e uma pá;
  • Higienize a bandeja sanitária no mínimo uma vez por semana.
LEMBRE-SE:
  • Você não pega toxoplasmose ao acariciar um gato.
  • Não abandone seu gato por medo de contrair a doença.
  • Você só pega toxoplasmose se ingerir terra ou alimentos contaminados com fezes de gatos, mas bons hábitos de higiene e limpeza no preparo dos alimentos evitam isso.
  • Cães, pombos e mordidas de gatos ou outros animais NÃO transmitem a toxoplasmose.
  • Não existe vacina contra a toxoplasmose.
  • Você não precisa se desfazer de seu gato se estiver grávida. Basta manter bons hábitos de higiene.



(Fonte de pesquisa:
http://www0.rio.rj.gov.br/ijv/toxoplasmose.shtm

Imagem:

http://raquelvet.blogspot.com)

16 comentários:

Dú Pirollo disse...

Olá minha querida amiga Mary!!!
Minha amiga, um importante esclarecimento sobre essas doença, pois também presenciei o noticiário da TV culpando os gatos pela transmissão e sem mais nenhuma explicação... agora ficou bem esclarecido como ocorre a contaminação.
Parabéns pela excelente e esclarecedora matéria, muito bom para que todos tomem conhecimento e não descartem os seus queridos amiguinhos gatos... Adoro esses bichinhos!!!
Tenha uma linda noite e um dia maravilhoso!!!
Beijos e muita paz!!!

Mary Miranda disse...

Querido amigo Du!

Você viu, né, como falam dos gatos como vilões?!
Independentemente de eu gostar de gato ou não, eu fico estarrecida com a desinformação que ocasionam aos telespectadores!
Temo pelas pessoas com pouca acesso a informações fiquem jogando seus pets nas ruas.
Uma época muita gente tinha medo de ter cachorro em casa por causa da raiva, agora a perseguição é com os gatos por causa da toxoplasmose!
Quando, na verdade, a culpa é toda do ser humano, que não cuida devidamente de seus animais!

Abração e o meu muitíssimo obrigada pelo solidário comentário!

Mary:)

Um Oficial com Espada Própria disse...

Sua abordagem é bem prática e transmite bem o seu recado não deixando dúvidas para quem ler atentamente, valeu!

Irismar Oliveira disse...

OI Mary, sua postagem nos trouxe informações valiosas sobre a toxoplasmose e de quem realmente É a culpa e o que chamou a minha atenção foi a primeira forma de contrair a doença. Não gosto de gatinho para criar, mas fico pensando nos donos que tiveram que se desfazer do seus bixinhos por falta de informação e os gatinhos que foram abandonados.

Valeu por partilhar!!

UM bom FDS

Mary Miranda disse...

Charles, bom tê-lo por aqui!!!!

Eu quis ser a mais obejtiva possível para que a desinformação não prolifere!
Obrigada pelo solidário comentário!!!!

Abração,
Mary:)

Mary Miranda disse...

Boa tarde, Iris!

Querida, a desinformação é uma das maiores causas de problemas de toda ordem pelo mundo!
Muita gente pensa que escrevi o psot por amor aos gatos, mas o meu objetivo é apenas informar, antes que vire "folclore" olhar-se para um gato e já se achar contaminado...
Nos tempos mais antigos, amiga, muita gente não queria criar cães por causa da transmissão da raiva, quando a vacinação já existe desde o início do século XX!
Não gosto do "emburrecimento" que a mídia quer nos empurrar goela a baixo...
De teantar nos fazer de trouxas, já bastam os políticos, não é?

Abração, querida!!!!
Obrigada enorme pelo comentário!!!!

Mary:)

Luiz Scalercio disse...

nossa muito bom essa postagem
não sabia disso mas valeu pelas dicas
prbns e muito sucesso pra vc .
ser vc tiver um tempinho dar uma
olhada no site da minha mulher.
www.analucianicolau.adv.br

Mary Miranda disse...

Obrigada pelo comentário, Luiz!

Volte sempre!!!!

Abraços,
Mary:)

Felipe disse...

Moça Bonita
No próximo dia 4 de Outro será comemorado o dia mundial dos animais por ser o dia de São Francisco de Assis.
Logo, não poderia vir em melhor hora o seu post esclarecedor.
Pensei comigo: Por que a SUIPA (Sociedade União Infantil Protetora dos Animais), não se posiciona contra a matéria desinformativa da Globo?
Simples, a vinheta do site da SUIPA é da Globo. Plim...plim...
Beijão Mary e acalme-se pois caso contrário vou ter que chamá-la de onça bonita. rs
Beijão
Felipe

Valéria Braz disse...

Oi Flor, outro assunto que compartilho inteiramente com você.
Amo os gatos, edesde qeu me conheço por gente convivo com eles...heheheh
Meu médico que é infectologista, sempre faz questão de frisar que em torno de 90% da pessoas durante a vida já tiveram contato com o causador da toxplasmose, principlamente na infância pela "doce" mania deste seres pequinininhos terem de colocar a mão na boca.... e todos sabemso qeu nem sempre quando está limpa! Diz ele ainda que outra forma de contágio é em dias de chuva, quando pisamos em possas de água... neste momento, dependendo do local onde está esta poça entramos em contato com o transmissor da toxiplasmose!
Eu amiga, passei a gravidez inteirinha rodeada de gatos e cachorros, e ela foi maraaaaaavilhooosa.... feliz e sem nenhum perigo de contágio!
Sim ao amor aos bichos, não a desinformação e muita prevenção com os hábitos de higiene, são eles que garantem a nossa saúde!
Beijusssssssss

Mary Miranda disse...

Meu Canceriano Favorito!

Sou onça domada, pode ficar tranquilo! rsrsrs
É que eu senti que deveria fazer alguma coisa que talvez não vá acrescentar muito mas, quem sabe, de tanto reclamarmos, um dia não surtirá efeito?
Amigo meu, não entendi bem a história da vinheta: como assim ser igual à da Globo?


Grande beijo, meu presidente!
Obrigada pelo comentário maravilhoso, como lhe é peculiar!!!!

Mary:)

Mary Miranda disse...

Que informação preciosa, minha doce Flor Val!!!!

Esse infectologista foi fantástico ao transmitir as explicações a você!
Você acredita que uma conhecida minha foi induzida a deixar sua gatinha na casa da mãe, quando grávida, por que o médico a aconselhou a fazer isso por causa da doença?
Agora eu te pergunto, meu doce: como pode um médico ser panaca o suficiente para dar um "conselho" desse porte????
Vou até passar a pesquisar melhor sobre os pombos, que tanta gente diz que transmite doença e talz.
Vai ver o que falam desses emplumados, não passa de folclore, assim como a praga da Rede Glbo quer fazer com os gatos...

Beijos mil, querida!
Quem ama os animais feito nós, não pode deixar passar em branco essas desinformações que andam espalhando por aí!...
Obrigada!!!!!

Mary:)

Samanta Sammy disse...

Olá minha querida amiga e Musa da Escrita !!!

Arrasou na postagem, muito importante este alerta !!!
Quantos felinos são abandonados por causa da falta de informação das pessoas... E isso além de crueldade é muito triste a desnecessário.
Fico boquiaberta com os meios de comunicação que não respeitam as pessoas e passam as informações pela metade ou completamente erradas, será que não tem consciência do enorme mal que isso faz ? nas milhares de vidas que afetam ?? É um absurdo !!!
Maravilhosos os esclarecimentos que nos trouxe, vamos divulgar por aí !! Ainda existem muitas pessoas com um medo infundado de contrair esta doença dos bichinhos sendo que é completamente possível manter seu pet querido, apenas fazendo uma boa higienização !
Parabéns pela maravilhosa iniciativa !!

Um super beijo e bom domingo !!!

Mary Miranda disse...

Meu anjo, em forma de Menina Sorriso!

Se tem coisa que me endoidece e me deixa estarrecida, é a injustiça!
Vê se pode, né, amig, colocarem a culp nos bichinhos, quando a sordides e TODA nossa?
Uma época mais longínqua muita gente não queria cachorros porque transmite a raiva ( É só vacinar, ora bolas!) e agora estão sacaneando os gatos com uma culpa que eles não têm!
Como você falou, basta a higienização adequada, e dar a alimentação correta aos felinos ( animais bem alimentados não ficam fuçando lixeiras...)!
Essas desinformações das chamads mídias de respeito acabma gerando folclores infundados e preconceitos.
Quantas pessoas mais crédulas em noticiários não estão agora se desfazendo de seus amigos felinos por causa da sacanagem da TV?


Obrigada por estar nessa luta comigo, meu doce!


Um beijo enorme nesse seu nobre coração!

Mary:)

Blog do Sebastião disse...

Legal saber viu! sempre discriminei os bichanos, gosto mais de cães.
Contraí toxoplasmose c/ 5 anos e perdi uma visão... mas grande parte da culpa foi de um Dr. que ñ deu inicialmente muita atenção p/ o caso.
Tbém odeio a globo, mas há coisas q. por questoes de sociabilidade ainda somos obrigados a ver. abçs.

Mary Miranda disse...

Boa tarde, Sebastião!

Muito importante a sua opinião e modo de conduzir a vida!
Mesmo você não apreciando gatos, tem consciência que não foram eles os culpados de seu problema.
Todos nós temos o livre-arbítrio para gostar disso ou daquilo, e não gostar de gatos é um direito de qualquer um, assim como é o meu de não curtir tanto cachorros como amo gatos!
O que eu grito aqui contra a Globo, é a falta de esclarecimento dela que, pela terceira vez, deixa por conta dos inocentes felinos, uma culpa que não têm...
E você está certíssimo quanto ao porquê ainda insisto em ver esse canal.
É porque, ainda, oferece coisas de que gosto, como novelas, por exemplo.
Mas no dia que eu abandonar os folhetins, essa "plim plim" vai ser ineroxavelmente abandonada por mim!...

Abraços, e muito obrigada pelo seu comentário, que é também um depoimento!

Mary:)