PARA QUEM AMA GATOS

PARA QUEM AMA GATOS
(Clique na imagem para conhecer)

sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

Manga, uma guerreira de capa e espada!




É a fruta que mais gosto, aquela doçura chamada manga, principalmente a espada!...
Fique aí babando porque as mais gostosas são made in Família Miranda: não há outras iguais em lugar algum! (Desafio mesmo, assim como as bananas d'água e as paçocas feitas pelo meu pai!)
Nosso quintal, altamente produtivo, já deu "de um, tudo", como ressarcem os antigos (confira em Qual é o seu tempero favorito?), logo, uso e abuso das corpulentas amarelas, me esbaldo, empanturrando o estômago, já empazinado do café-da-manhã...
Eu sempre digo que se o Céu é uma fruta, com certeza é manga, pelo potencial que as gorduchinhas nos propiciam ao paladar exigente!
Com suas variedades, que venham! Espada, rosa e carlotinha... Aquelas que não conheço, se acheguem também!
Já falei aqui das goiabas (começou o tempo delas!), mas nenhuma chega aos pés da multifacetada homônima de acabamento de roupa (vestido com ou sem manga?), cuja árvore é Escola de Samba do Rio ("Madeira que dá em doido é jequitibá, deixa a Mangueira passar!") e que molha as plantas do quintal ("Desentorta a mangueira aí! A água não está chegando!..."), fornecendo vazão para os bombeiros, subindo nas magirus, com a força hidráulica salvadora e... hum, dá margem à indecência: "Você já viu a Mangueira entrar?"(Acho que todo mundo já tirou sarro com essa Escola...)
Ainda bem que, ao me divertir com a fruta que amo, nunca me lembrei do ditado "Deu pano pra manga"! Eu não iria gostar nem um pouco de assimilar delícia com briga!...
Quem já comeu doce de manga? Uma bênção em forma de taça clarinha meio gema de ovo...
Dos sorvetes encorpados, provei e aprovei, lambuzando a cara-de-pau minha, como se estivesse devorando a fruta in natura...
Por falar nisso, não chupo manga: como! Minha voracidade me perde porque, mesmo sabedora dos gases que me provoca o excesso, passei várias vezes do meu limite, que são, apenas, algumas suculentas por dia!...
As bonitas e rechonchudas, que parecem modelos de Plus Size, também são aplicáveis à saúde - úteis, nada fúteis - pois têm nutrientes invejáveis por outras polpudas. Ricas em fibras alimentares, vitamina C, prebióticos, carotenóides e provitamina A, ajudam no organismo humano quando temos problemas com o sangue (o purificam), trato urinário (é um ótimo diurético), nos pulmões (combate a bronquite, além de ser expectorante) e estomacais ( elimina a acidez).
Fruta saborosa tem suas desvantagens (como tudo que é bom...) pois, se agrada a quem degusta, atrapalha a quem é o dono do pé!
Manga é atraente não só para a criançada. Inclui também os barbados velhos, que se tornam cínicos dizendo que só vão levar duas (me engana, que a bolsa sai é cheia!), com nosso esgar carrancudo, imaginando que não vão deixar as de amanhã para nós...
Contudo, ela é generosa, espalhando no quintal toda a sensualidade, umas sobre as outras, num desfrute só, a fartura que nos lembram orgias...
As Rhodia's ficam afoitas pulando na grade, querendo que eu compartilhe!
Esquecem, porém, que quando se trata de manga, sou egoísta, jogando para elas só as que me me bastaram...
Galo Neymar (a crista é igual à do jogador), que chegou hoje, já mostrou-se um fã: deu de bico nas meninas (só ele é macho) para catar , na "asa grande", um caldo "manguístico"...
Não sei por que chamam o tipo que mais gosto de espada (seria o formato?); eu só entendo de comer.
Por ter sido sugestionada, toda vez que a observo, imagino-a lutando contra o mal, falando poucas e boas, sem perder a doçura ( "Endurecer sem perder a ternura"!, parafraseando Che Guevara).
Em minha visão, o título que apliquei é perfeito: Manga, uma guerreira de capa e espada!
É como se ela fosse uma lutadora, contrária aos muitos passarinhos e chupins humanos, mantendo-se intacta, eternizando o sabor e o prazer!...
Quem me dera se os nossos dissabores se resolvessem ao devorarmos uma manga!
Sinceramente, todas as agruras do mundo me parecem longínquas, enquanto me empapuço da fruta guerreira.
Suja a roupa toda? Chupar manga é ter que sujar roupa e saborear o por dentro da casca.
E... Que preocupação idiota essa! Suja a roupa... E para que inventaram o sabão em pó?!
Venham, amarelinhas! Se quiserem, visto uma blusa toda branca, só para ver a tonalidade verdadeira que fica depois!...


P.S.: A "modelo Plus Size" que apareceu por todo o post, é uma das últimas que a safra contabilizou! Está meio amassada. É que teve enfrentar o calor e os muitos locais que a coloquei para fotos.
Como "modelo profissional" de porte, não "reclamou" um só segundo, indo "dormir" na cozinha depois da sessão, de onde nós todos sabemos em qual próximo lugar irá "descansar"...
Sobre a mangueira, ela é uma das três lindonas trabalhadeiras que nos causam a "perdição" anual e uma das netas de uma centenária que tinha aqui no bairro.
A "idosa" fora tombada porque houve a necessidade da construção de uma casa.
Se eu pudesse escolher, preferiria mil vezes ela, do que abrigo para pessoas que não sei se são dignas ou não! A centenária, essa, todos conheciam a estrada, o quanto só fazia o bem.
Frondosa, benéfica, dando manga prazerosa e sombra salvadora para andarilhos cansados...

Falou em manga (ou caju), me vem logo Alceu!
Ele deita e rola nas "tropicalices" do nosso País, falando de morena, fruta tropical, temperatura quente...
"Da manga rosa, quero o gosto e o sumo", e eu quero Tropicana, com o mestre pernambucano Alceu Valença!
Que faça as honras da casa agora, nos transportando para um mundo de sonho que só um mestre como ele, pode proporcionar...




(Imagens:
http://marymiranda-fatosdefato.blogspot.com - Arquivo Pessoal

Fonte de pesquisa:

http://www.infoescola.com)

18 comentários:

Adriana Helena disse...

Ai... Mary... a sua postagem me deixou literalmente com água na boca!
E adoro manga, e como você prefiro a espada! É UMA DELÍCIA!
Mas também aprecio aquelas manguitas pequeninhas que a gente pode pegar, apertar e depois chupar diretamente no pé!!! Não é necessário lavar.. o bom é e lambuzar toda! rsrs e ficar com a boca amarela ... Ai que coisa boa..rsrs
Ainda mais lendo um tratado tão primoroso e bem escrito sobre a manga e olhando fotos tão apetitosas assim... EU QUERO...
Amanhã vou correndo ver se encontro na feira.. fiquei com desejos.. minha nossa...
Obrigada amiga, você tem uma competência admirável para descrever uma simples manga: fez dela uma rainha de capa e espada( nossa , adorei isso)...um primor!!!
Beijos querida!
Curta a sexta-feira!!

Samanta Sammy disse...

Olááá amiga querida Musa da Escrita, cheguei !!

Só a Srta mesmo para escrever um texto tão rico, belo e suculento sobre esta delícia !! E ainda escolher um fundo musical de primeira !! delicioso !
Eu adoro manga, e também acho uma bobagem esta preocupação de sujar roupa, pois é nos e lambuzar todo é que está a graça, a magia de se fartar da manga, não é mesmo !? Quem nãos e perde neste momento, sendo meio criança arteira, não sabe o que está perdendo !
Não sou fã de frutas, mas dela eu gosto ! picolé então, huummm, o doce, nunca provei, mas está na lista depois desta sua indicação tão convidativa !
Também adoro melancia, enfiar a boca no meio da fatia e ficar com as bochechas molhadas rsrs depois fazer com a faca, barquinhos verdes rsrs
Amei, como sempre ! é muito bom poder vir visitá-la, estava com saudades !!

beijossssssss e bom fim de semana !!

Mary Miranda disse...

Adri, minha querida Anjinha!

O objetivo era esse, de deixar com água na boca quem lesse o post! rs
É tão bom comer manga (eu devoro mesmo, sem conversa! rs), que queria repartir com vocês um pouco do meu prazer...
Só gosto de manga se posso me lambuzar; frescura de usar faca sem roer o caroço, não é comigo!!!!
Já cheguei ao ponto, amiga, de ir ao mercado com a boca toda amarela, tendo alguém gentil para avisar, porque se não... Era mico na certa! rs ( Nem ligo! Quem me critica, não sabe o que perdeu!...)
Vá na feira e caia dentro dessas bonitonas rechonchudas, porque é bom demais, né?
Ah, legal você ter gostado do meu chamamento para a manga espada!
Ela me parece uma guerreira formosa, delicada, mas forte, com sua capinha verde e espada arredondada! rs

Bom dia de muita manga para você!

Beijos, querida!
ADorei sua vinda, como sempre!!!!
Obrigada pelos elogios; manga é uma inspiração! rsrsrs

Mary:)

Mary Miranda disse...

Eis que surge minha querida Menina Sorriso!

hehehehe Pois eu estava indo lá agora, para a sua casa virtual, e você aparece aqui! (Seria "transmimento" de "pensassão"? rs)
Adorei isso, de saber que outras pessoas adoram se sujar com manga, porque não vejo outro modo de fazer isso! (É como se fôssemos crianças arteiras, concordo plenamente, amiga!)
É "líquido e certo": chega a temporada de manga ou caju, e fico cantarolando a música do Alceu! rs
Barquinhos verdes com a casca da melancia eu nunca fiz, você acredita? A não ser que você esteja se referindo àqueles picotes mal feitos que geralmente fazemos e jogamos na água, para ver afundar... rs

Minha querida, as saudades também são as minhas e aos poucos vamos voltando às atividades normais!
Também estava meio devagar, comentando muito pouco os posts dos amigos, e estou tirando hoje para recolocar, no possível, os papos em dia!

Beijos, querida! ( Espero que a tempestade dihittiana esteja mais amena... rs)

E o meu OBRIGADA pela lindíssima participação!!!!

Mary:)

Larissa Bohnenberger disse...

Mary, também adoro manga. É o tipo da fruta que, parte do prazer de comê-la, é justamente lambuzar-se comendo. Essa é a delícia. Não posso dizer que é a minha preferida, entretanto. Minha fruta preferida é uma que me remete à infância. Mais do que isso, infância na praia. Voltar pra casa salgada depois de uma manhã de sol e mar, e enquanto o almoço não se apronta, pra dar uma enganada no estômago, sentar em frente à casa e devorar um enorme pedaço de... MELANCIA! Sim, sou uma Magali!!! Poucos prazeres no mundo são comparáveis ao sabor de uma melancia geladinha num dia quente de verão...

Beijos, querida!

Larissa Bohnenberger disse...

P.S. Eu estou lendo um livro sobre um crítico gastronômico que relembra os sabores da vida dele. Estou tão fascinada por esse mundo de descrever o paladar com palavras, com poesia, que esse seu post veio muito a calhar com este meu momento.

Mary Miranda disse...

Lari, querida, boa noite!

Olha, quem fica com frescura para devorar manga, é sinal que não é muito chegado na fruta!... rs
Como você disse, metade do prazer de uma manga é a "sujeira", aquela coisa de você se lambuzar, a boca fica toda amarela...
Melancia é sua fruta de infância, o que sempre marca e possui um sabor a mais.
É sinal que adoro mesmo manga porque nada a vence, nem mesmo a marcante goiaba - fruta que passou por todo o meu tempo infantil - pois fico ansiosa esperando a safra de novas amarelinhas aqui no quintal!... (Temos a variedade espada, mas de goiabas temos da vermelha e branca.)

Beijos, e que bom que a galera está curtindo a minha fruta preferida! (Só espero que ninguém coloque as "manguinhas de fora"! rs)

Mary:)

Mary Miranda disse...

Depois você me fala o nome do livro, amiga!

Se eu encontrar dele para comprar, o farei, porque adoro linguagem metafórica envolvendo a vida!
Acho que nossa existência tem sempre um sabor, um cheiro, uam imagem...
E são esses fatores que nos fazem tão únicos!...

Beijos!

Mary:)

Sissym disse...

Hummmm este texto é deliciosamente convidativo e ainda instrui.

Mary, quando criança, eu morei numa casa que tinha um enorme quintal. Haviam 2 tipos de mangas diferentes e maravilhosas. Eu comia todo dia. Um dia, até hoje nao entendo o que aconteceu comigo..., eu comi exageradamente mangas e.... nossa....fiquei mais de 1 dia colocando para fora na cor amarela!

Eu passei tao mal que levei anossss até colocar na boca novamente e só consigo em forma de sorvete, no máximo, suco.

O cheio me enfeitiça, mas nao consigo mais por para dentro.

Beijos

Valéria Braz disse...

Oi minha Flor... é quase meio noite e fiquei com vontade de comer (como você) uma deliciosa manga que está na minha fruteira....heheheh
Você também me fez lembrar da minha infância... sempre passávamos férias em um sítio que meu pau tinha no interior de São Paulo (Iguape), neste sítio havia um pomar enorme, e a mangueira ficava na beira do rio, o que nos permitia pegar a fruta no pé e nos lambuzarmos todo, aquela lambança mesmo de escorrer caldo de manga pelos braços e pescoço... hummmm delícia. Depois todo mundo pra água brincar e lavar o delicioso banho de manga.
Amiga... como eu faço agora, não tem rio por aqui... mas pode apostar que a manga não vai continuar descansando na fruteira...falar nisso.... fui ela tá lá me olhando.... (culpa sua viu?!).
Beijo no coração

Dú Pirollo disse...

Olá minha querida amiga Mary, boa noite!!!
Minha amiga, esta fruta é mesmo uma delícia, neste época chupo todos os dias, tenho vários pés em minha chácara, temos manga rosa, espada, coquinho, bourbon, palmer, maça e um mangão que pesa mais de quilo cada uma, desta última não dá para você chupar uma porção... rsrsrsrs... Além de ser uma delícia trás muitos benefícios para a saúde. Adorei chupar manga com você... a espada só é boa se for literalmente chupada, com direito a vários fios entre os dentes... rsrsrsrs...
Minha amiga, adorei o seu texto, um primor! A música também é linda, valeu minha amiga!!!
Tenha uma ótima noite e um maravilhoso final de semana, regado com muita manga!!!
Grande abraço e muita paz!!!

Mary Miranda disse...

Sissy, tudo bem?

Acho que você vai voltar a devorar manga, sim, um dia.
Porque tive problemas com goiaba uma vez (me entupi de tal maneira, que me causou prisão de ventre), fiquei também muuuuuuuuuuito tempo sem sequer beber um suco.
Agora como, sem grandes transtornos, embora lembre que não posso exagerar...
Ah, o suco de manga!... Esqueci de colocar no post: é mesmo uma outra delícia!!!!
Quando está na época de manga, eu cometo o pecado da gula e, sem brincadeira alguma, nem me arrependo... rs

Beijos!

Mary:)

Mary Miranda disse...

hahahaha Objetivo alcançado, então, Flor Val!

Era para causar a tentação mesmo, que escrevi o post! Deixar a galera "babando" por uma manga! rsrsrs
Sempre quando chupo essa fruta, me certifico se tem água à vontade por perto, para eu poder me esbaldar!
Deve ter sido muito legal passar a infância em um sítio, embora eu pouco tenho a reclamar disso pois o nosso quintal aqui é enorrrrrrrrrrrme, lembrando um pequeno sítio, e com muiiiiiiiiiitas variedades de frutas! (Bagunça gostosa, né, que as mangas proporcionam?!)
Eu coloquei o céu na sua boca ao falar de mangas, mas não aconselho a ninguém a comê-la à noite.
É que ela pesa demais!!!! (A não ser que você só volte a dormir umas duas horas depois de ingeri-la...) É, Florzinha, vai ter que esperar! kkkkkkkkkkk

Beijos, anjo, e aquele OBRIGADA pelo comentário tão saboroso de se ler, qual uma manga! (O primão está só nas viagens, né? Ele disse que retornaria amanhã. Mas talvez estique mais um bocado, se onde está for muito bom! hehehe)

Mary:)

Mary Miranda disse...

Du, que delícia essa sua chácara!!!!

Dessa manga maçã, nunca tinha ouvido falar, mas da bourbon e coquinho, sim, ainda que não as provei (por enquanto)...
Manga de mais de quilo? Nossa! É por si só um almoço! rsrsrs
Aliás, tenho a mania de comer manga pela manhã, por isso, o almoço fica sempre comprometido! (Não sinto fome de jeito nenhum!)
Adorei quando você falou dos fiapinhos que ficam entre os dentes; é tão bom, que até esqueço que pago mico! rs
Eu cismei de pesquisar um pouquinho sobre elas. Descobri que são diuréticas e limpam o sangue, duas coisas importantíssimas para nossa saúde!

Adorei sua presença aqui, amigo!
Feliz Dia da Manga para você! (Esse dia não existe, acabo de inventar agora! rs)

Um abração da Mary pra você! :)

Djair Souza disse...

Como se diz no nordestte: "Pois pronto!" acabou por lembrar-me de tantos causos com as mangas que o comentário ficou por demais longo, logo vou transformá--lo também em texto no Prajalpa, com a inspiração que me destes.
Também as como ao invés de chupar. mas pra mim é dificíl dizer que uma fruta é preferida. Tantas são e nenhuma me desagrada...

Mary Miranda disse...

Boa tarde, Djair!

No meu caso, sem correr risco algum, digo que manga é minha fruta preferida, embora conheça várias! (Sou fã, já viu, né? rs)
Elas têm um sabor bem particular, que me envolve e me dá vontade de devorar mais algumas... (Tivemos aqui também o cajá-manga, mas eu não curtia tanto assim...)

Legal esse, inspirar um post seu!!!!
Quando lançá-lo, me avise. Adorarei lê-lo!

Um abraço e OBRIGADA!

Mary:)

Djair Souza disse...

Já esta no ar. rs
http://prajalpa.blogspot.com/2012/01/chupa-essa-manga.html

Mary Miranda disse...

Então, Djair, estou indo lá verificar!

Aguarde uns minutos! rs

Abraços,
Mary:)