PARA QUEM AMA GATOS

PARA QUEM AMA GATOS
(Clique na imagem)

Quais assuntos mais te interessam no blog Fatos de Fato?

segunda-feira, 11 de maio de 2009

Ideologia dos desenhos animados - Manda - Chuva e outros gatos

Neste último capítulo da série Ideologia dos desenhos animados ( uma das coisas que mais adorei escrever na vida!), que iniciei falando da Caverna do Dragão, a temática derradeira não é nada agradável para eu expor aqui.
Sim, tentei captar nos quatro capítulos, os grandes grupos representativos de cada estilo de desenho ( Exemplo: Caverna do Dragão representa os desenhos de valores internos, como amor, fraternidade, respeito ao próximo, etc. Subentende-se que He-Man, Thundercats, She-Ra, entre outros, estejam ali inseridos. Caverna do Dragão, é o que se chama no futebol, de "cabeça de chave").
Contudo, busquei em Manda-Chuva, meu desenho favorito da temática que tratarei hoje , a representação de tantos outros que trazem uma ideologia descartável para a formação de caráter de nossas crianças e adolescentes, o que é uma pena.
Leiam e depois me digam se eu estou certa ou equivocada no meu questionamento.

MANDA - CHUVA

Com dor no coração que reclamo de um dos desenhos que mais amo, tenho saudade e simplesmente adoro nessa minha vida!
Conheci-o pequetitinha e sempre gostei das tramóias de Manda-Chuva (Top Cat em inglês) e sua "gangue".
Essa gangue, lê-se assim : Manda-Chuva, Batatinha, Chuchu, Gênio, Bacana e Espeto.
De quebra o guarda Belo, que os botava para correr do beco onde moravam.
"Mas qual o mal nisso, Mary?" , alguém, impacientemente, poderia me perguntar, se eu não explicasse de imediato.
Explico:
Vocês já repararam na ideologia que aqueles felinos carregam em suas patinhas malandras?
A ideia que transmite, sorrateiramente ao subconsciente infantil, é que GATOS NÃO PRESTAM!
Isso mesmo!!!!
Alô! Vocês acham que eu iria facilitar com desenhos que esculhambam os animais que AMO de paixão e que SEMPRE trouxeram muita alegria para os meus dias?( Ou alguém ainda não percebeu que eu ADORO gatos????)
E mais ainda, cujos argumentos não correspondem à realidade?
Pode parecer mentira, mas por conta de obras quais essa, muita gente cresce com raiva, e até asco de felinos, por acreditarem nas sandices que esse tipo de coisa acaba infiltrando nas mentes!!!!
Já ouvi gente dizer que gatos eram animais enviados do inferno para atormentar a vida terrestre!
Socorro! Onde vamos parar com essa "teoria da conspiração", como diria meu amigo Alceu (Guizo Vermelho)?
Tudo por causa da joça da ideologia que obras, sejam para qual faixa etária for, nos enviam gradativamente, nos envolvendo nas teias precisas.
Frajola e Piu-Piu, outro exemplo do quanto o preconceito aos amigos gatinhos é arbitrário, cretino, para não usar termos de baixo calão!
Vocês já notaram que o pobre Frajola só faz o que a natureza na vida real o permite?
Ser caçador e cumprir com a cadeia alimentar, é crime desde quando?
Então nós, seres humanos, deveríamos ser mortos a pedradas em praça pública, sem julgamento, por caçarmos e comermos carne!
E aquele "lixo ideológico" chamado Tom e Jerry?
Meu Deus!!!!
Crescemos tendo que engolir que camundongos nojentos, que espesteiam nossas cozinhas, transmitem leptospirose, roem nossas comidas, são heróis em desenhos animados!
Sim, Jerry é um doce ratinho, muito bonzinho, que ajuda todo mundo, é um primor de animal...
Como ficam as cabecinhas infantis tendo que ver o que é o certo virar errado diante da TV?!
(É! Pela ideia desse famigerado desenho animado, é totalmente errado um gato caçar um rato! hahaha! Faça-me rir!)
Quem se lembra das "maldades" do personagem principal em Garfield, onde o gato é um preguiçoso, interesseiro, que só ajuda o dono, se souber que não vai perder a "boca", cuja idolatria às lasanhas o arremete a qualquer sorte de situação? (Parece que o único amor desse animal é mesmo a comida!)
O brilhante escritor Ruy Castro, famoso por suas biografias de celebridades, tais como a de Carmem Miranda, Garrincha e Nélson Rodrigues, ardoroso fã de gatos ( já disse uma vez que depois do ser humano, é o ser mais inteligente que existe!) expôs com muita propriedade sua indignação contra as mensagens veladas contra nossos "fofinhos ronronadores" no Estado de São Paulo.
Confiram neste link abaixo, a íntegra da crônica:
Ele esteve soberbo no texto revelador!
Voltando a Manda-Chuva, o que mais me magoa é saber que ele, o líder dos malandros, é muito carismático, engraçado, um tanto nonsense, mas um contraventor!
O que aquele sem-vergonha não faz para ganhar dinheiro fácil?!
Suas armações não têm limite!
Desde a descolar uns centavos de cegos, até a se passar por Sheik, indo se hospedar em hotel de luxo!
Aí fica aquela sensação que gatos são divertidos, espertos, bonitos, só que não têm "caráter".
Isso a longo prazo, transforma a mentalidade de quem ainda está em formação do "self", ou seja, criaturas que ainda não atingiram a idade adulta.
Bom frisar, pessoal, que eu gosto desses desenhos citados no post; os assisto quando posso.
Porém, a crítica que faço é porque é voltado para o público que ainda não entende que aquilo é uma visão errônea da realidade, e acaba crescendo imaginando que os nossos queridos gatos são vilões cruéis e dignos de serem maltratados (Aquela cantiga de roda que estraga gerações, com o seu "Atirei o pau-no-gato..." (Quantas crianças não acham "bonitinho" machucar os felinos?)
Encerro a minha retórica destacando o único desenho do meu conhecimento que é merecedor da minha total apreciação no tocante à vida dos "miaus".
É um belo desenho que se passa na China de nome Sagwa - A Gatinha Siamesa.
Mostra uma visão interessante sobre o mundo felino, sem exageros ou tolices.


SAGWA - A GATINHA SIAMESA
Esse sensível desenho animado nos remete ao extremo - oposto, tratando gatos como eles são, pequenas criaturas de carne e osso, e como tal, devem ser amados e respeitados por todos.
Lá vê-se uma gatinha muito linda, sensata e ronronante que ajuda a todos que precisam!
Tem irmãos e vive num castelo maravilhoso!
Sua regalia onde mora, é "paga" por ela através de dedicação e fidelidade aos donos , uma extrema demonstração de amizade e carinho .
O mais legal nisso é que mostra uma gata como outra qualquer, que caça, brinca, toma banho lambendo as patinhas, brinca com novelo de lã, gosta de tirar uma soneca, tudo bem normal.
A coisa que sai um pouco da realidade, é a amizade que ela tem com um morcego de óculos (?). (Mas nada é perfeito, né?)
As aventuras da linda Sagwa ocorre em diversos momentos de sua vida, onde muitas vezes seus sentimentos são colocados à prova e não tem quem não torça por ela, porque é um animal digno!
Passa no canal Futura ( não sei se mudaram o horário, mas era às 13h30 min, de segunda à sexta-feira); chato não ser veiculado por uma tv aberta...
E por aqui fecho a série sobre a ideologia (snif!) Já estou com saudades...
Espero que tenham gostado!


(Imagens:

8 comentários:

Rodrigo Piva disse...

Adorava Manda-Chuva. Sua análise está perfeita!!

Beijos

Mary Miranda disse...

Oi, Rodrigo!
Eu também sempre gostei, embora nós saibamos q o desenho contém uma péssima ideologia contra os nossos amigos felinos.
(E nós gostamos deles, né, amigo?)
Obrigada pelo comentário!
Bjs,
Mary.

Pedro disse...

Mary,
Frajola,Tom,Garfield,Manda-Chuva, Batatinha, Chuchu, Gênio, Bacana e Espeto não escapa UUMMM !! Todos "arbitrários" !

Calma ! só estou a brincar um bocadinho consigo , não sabia que você é era fã "ronronadores":)
Apesar de não ser fã n°1 de gatos gostei imenso da sua retórica
Abraços!
Pedro

Mary Miranda disse...

Pedro, Pedro!
Não fale mal dos meus "miaus", hein? rsrsrs
Eu os amo demais!!!!
Mas vc nunca assistiu a nenhum dos desenhos citados do post?
Apesar da ideologia q trazem não ser boa, muitos deles são bem divertidos!
Que bom q apreciou o texto!
Obrigada!
Um abração,
Mary.

Jorge Fortunato disse...

OI Mary
Cresci assistindo esses desenhos. você sabia que é o nosso querido ator Lima Duarte quem faz a voz do Manda chuva?
Um beijo

Mary Miranda disse...

Olá, Jorge!
Acho q todo mundo já teve sua fase "Manda-Chuva"! rsrsrs
Meus alunos também já chegaram a assistir alguma coisa, segundo eles.
O problema é mostrar os felinos como vagabundos; isso me entristece...
Já sabia q era o Lima, sim!
Inclusive ele disse q adorou dublá-lo e os dois se "encontraram" uma vez; Manda-Chuva o "entrevistou"! rsrsrs
Bjs, querido!
Mary.

Alterado disse...

Bom Mary , em algo discordo de vc , não gosto de gatos !Mas concordo com vc que vários desenhos animados possuem sim uma mensagem ideológica sim ,parece inofensivo , mas como uma criança vai distinguir o certo do errado ?
Já traduzi e postei um texto sobre os Smurfs , relacionando o modo de vida deles com governo comunista!

Apesar de não gostar de gatos , do batatinha eu gostava !

Bjos

Mary Miranda disse...

Olá, Ricardo!
Tudo bem uma pessoa não gostar de gatos,assim como não sou ardorosa fã de cães ( mas protejo TODOS os animais! São criaturas de Deus e mais dignas q nós).
O q me irrita é a distorção da realidade q os desenhos nos proporcionam, fazendo-nos crer q há "vilões" entre os irracionais!
Oras!
Se há algum vilão entre eles, podemos dizer q são aqueles q transmitem doenças como ratos, baratas, etc.
E sobre não gostar de gatos, já foi constatado q 90% das pessoas q não gostam, é porque nunca criaram um.
Quem os possui ao menos uma vez na vida, se apaixona!!! rsrsrs
E eu q os tenho desde criança????
Um abraço, querido, e adorei o comentário!
Mary.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...